Alunos
Candidatos
Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form
Sistema AcadêmicoInscreva-se
CARREGANDO...
Artigo

Recolocação profissional: 7 dicas para estar pronto para o mercado!

Artigo

Recolocação profissional: 7 dicas para estar pronto para o mercado!

Você sabe o que é a recolocação profissional? Apesar de todos os cuidados tomados com a elaboração de um plano de carreira, nem sempre as coisas fluem como planejadas. Diversos motivos podem fazer com que os caminhos sejam alterados, e o profissional se vê em uma situação em que precisa encontrar uma nova vaga de emprego.

A recolocação profissional é, portanto, o processo que faz com que isso seja possível. Frequentemente aliada ao outplacement — conceito de demissão humanizada, que visa auxiliar o colaborador a encontrar novas colocações —, ela é um fator essencial para garantir que o profissional não fique sem um emprego depois de se desligar de uma empresa.

Isso, no entanto, é um grande desafio para muitas pessoas, especialmente por se tratar de um conceito relativamente recente no Brasil. Listamos algumas dicas infalíveis para serem colocadas em prática no processo de recolocação profissional. Boa leitura!

1. Trace metas e objetivos profissionais

O primeiro grande passo para garantir uma boa recolocação profissional é traçar metas e objetivos realmente palpáveis e que estejam de acordo com aquilo que você deseja para a sua carreira. Por isso, permita-se sonhar, mas sempre tendo em mente aquilo que realmente pode ser realizado no médio e no curto prazo.

Ter metas definidas é algo que faz toda a diferença na hora de seguir as próximas dicas. Nada de começar o seu processo de recolocação dando um passo maior do que as pernas! Vá aos poucos e faça com que os resultados positivos estejam garantidos no fim da sua jornada.

2. Mude o seu comportamento

Muitas vezes a demissão acontece por motivos internos que não têm qualquer relação com o comportamento do colaborador. Em outras ocasiões, esse é um fator fundamental para que o empregador tome essa decisão em relação à sua vaga. Por isso, fazer uma autocrítica e praticar o autoconhecimento são pontos importantes nesse processo.

Saber exatamente quais são os seus pontos fortes é muito importante, mas reconhecer as fraquezas é tão essencial quanto. Investigue a si mesmo e observe o que pode ser mudado para que você conquiste melhores resultados no próximo emprego. A partir disso, trabalhe tais habilidades e características para aumentar as suas chances de uma boa e rápida recolocação profissional.

3. Atualize o seu currículo

Os maiores problemas enfrentados por quem está em busca de uma recolocação profissional são a falta de atualização do currículo e a inadequação do documento. Preste muita atenção no que você está entregando para as empresas nas quais deseja trabalhar e faça o que for possível para que o seu currículo se destaque em relação aos demais.

Além de atualizar seus dados e as informações de experiência, é muito importante que você enxugue o seu currículo, deixando-o atraente e interessante para o profissional que vai avaliar o documento no setor de RH. Evite trechos prolixos e vá direto ao ponto, mostrando o que você tem de melhor para oferecer àquela empresa.

4. Ative a rede de contatos

Uma poderosa rede de contatos — conhecida como networking — é fundamental para qualquer carreira. Por isso, é sempre interessante que você interaja, na medida do possível, com outras pessoas que têm objetivos semelhantes aos seus ou que já ocupem vagas na área do seu interesse.

Esse tipo de contato é muito importante para que, no futuro, você obtenha boas indicações para novas colocações, avisos sobre pontos importantes e muito mais. Além disso, as conversas entre as pessoas de uma mesma área são sempre enriquecedoras e podem ajudar você a aprender muito mais sobre o seu ofício, mesmo que ainda não esteja ocupando a vaga que deseja.

5. Cuide do seu marketing pessoal

Muitas pessoas acreditam que o conceito de marketing está ligado exclusivamente a marcas e empresas, mas também podemos fazer uma boa propaganda pessoal — algo que contribui para diversos âmbitos das nossas vidas, inclusive o profissional. Investir no marketing pessoal é, portanto, uma boa estratégia para a recolocação no mercado de trabalho.

Essa estratégia, utilizada com o objetivo de fortalecer a imagem do candidato para uma vaga, é utilizada para fazer com que essa pessoa seja reconhecida como autoridade no seu campo de atuação e potencializar as chances de conseguir boas colocações, conquistando oportunidades mais vantajosas na carreira.

6. Esteja presente nas redes sociais

Uma participação ativa nas redes sociais é outra maneira de caprichar no marketing pessoal e fazer com que a sua imagem seja vista como referência na sua área de atuação. Diversas redes e plataformas, especialmente o LinkedIn, são fundamentais para expandir o seu alcance e fazer com que você tenha notoriedade.

Além de utilizar essas redes com mais frequência, é importante que você saiba como fazê-lo. Ter muito cuidado com o que é dito em tais plataformas é essencial para que você não transmita uma imagem negativa. Evite declarações polêmicas ou até mesmo opiniões ligadas à política e outros assuntos que possam comprometer a sua postura profissional.

7. Faça cursos e atualizações

Uma dica muito importante é: busque sempre a qualificação por meio de cursos, de curta ou de longa duração — workshops e palestras, ou ainda graduações e especializações, como as pós-graduações.

Estar sempre por dentro das novidades da sua área de atuação é essencial para não ficar para trás. Dessa forma, é possível somar toda a sua experiência às atualizações do mercado. Esse tipo de característica é sempre buscado pelos empregadores e pode garantir um diferencial para garantir a contratação.

Como podemos perceber, a recolocação profissional não é algo tão difícil de ser feito. O processo requer um bom planejamento e, é claro, muita capacitação por parte do profissional que busca novas oportunidades no mercado de trabalho. Por conta disso, a qualificação por especializações é essencial para conquistar esse diferencial.

Como decidir qual é a melhor especialização para a sua carreira? É muito comum ficarmos perdidos e confusos antes de darmos esse importante passo. Confira agora mesmo o nosso post com dicas de como escolher uma pós-graduação que realmente vai fazer a diferença na sua vida profissional!

INSCREVA-SE PARA RECEBER NOSSAS NOTÍCIAS

Receba as novidades em seu e-mail

Fique por dentro dos  eventos, notícias e conteúdos da Faculdade Arnaldo.

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.