Alunos
Candidatos
Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form
Sistema AcadêmicoInscreva-se
CARREGANDO...
Artigo

Conheça agora as principais diferenças entre MBA e pós-graduação

Artigo

Conheça agora as principais diferenças entre MBA e pós-graduação

Se você está em busca de seu desenvolvimento profissional, deve saber que é importante não parar de estudar após a graduação. No entanto, com as exigências e competitividade do mercado, qual é o melhor caminho a seguir? Qual a diferença entre MBA e pós-graduação?

Em primeiro lugar, é preciso esclarecer que o MBA também é um curso de pós, mas tem formato, direcionamento e outros pontos que diferem bastante de uma especialização (comumente chamada apenas de pós-graduação).

Quer entender melhor quais as características de cada tipo de curso e como fazer a melhor escolha de acordo com sua carreira, objetivos e perfil profissional? Então confira nosso post!

Direcionamento

Ambos exigem como pré-requisito que o candidato tenha o diploma de graduação; no entanto, há diferenças quanto ao direcionamento de cada formação.

A especialização, como o próprio nome indica, vai tornar você um especialista em determinado segmento de uma grande área de atuação. Por exemplo, dentro da área do Direito, você pode fazer uma pós-graduação em Direito Ambiental, Direito e Gestão do Trabalho, Direito de Família, entre outros temas.

Dessa forma, ela vai valorizar o seu currículo e proporcionar que você consiga vagas e salários mais atrativos, já que terá o conhecimento teórico e habilidades direcionadas para temas específicos.

Além disso, nos cursos da pós o profissional fica por dentro das tendências da sua área, o que se torna também um grande diferencial no mercado. É, dessa maneira, uma excelente forma de obter um aperfeiçoamento em sua carreira e de se atualizar.

Assim, quem se graduou em Administração pode direcionar sua vida profissional para o campo de recursos humanos, fazendo, por exemplo, a especialização em Gestão Estratégica e Integrada de Pessoas.

É possível até mesmo mudar os rumos da carreira, passando a trabalhar com um tema em alta no mercado. Aliás, esse tipo de curso é até uma alternativa para quem está descontente com sua área da graduação ou para quem não consegue um espaço no mercado. Muitos profissionais encaram esse desafio e têm sucesso em um novo segmento.

Restrito para a área de gestão

E no caso do MBA? Essa é a sigla para Master in Business Administration (Mestre em Administração de Negócios), mas não é um curso de mestrado como muita gente confunde. Trata-se de uma pós-graduação, porém com um enfoque bem diferente da especialização: são cursos direcionados para quem quer atuar na área de gestão. É interessante para quem é do ramo corporativo, já que ele é voltado para o universo dos negócios.

Dessa maneira — apesar da popularidade do MBA nos últimos anos no Brasil — ele é voltado somente para profissionais que querem aperfeiçoar suas habilidades gerenciais e assumir cargos de liderança. É uma boa opção para executivos, gestores e diretores de empresas.

Assim, não é uma formação que permite a você ser especialista em determinado tema, como ocorre na especialização. Com isso, pode limitar suas oportunidades profissionais se você não estiver construindo sua carreira no ramo empresarial.

Metodologia

Os dois cursos têm que cumprir a carga-horária mínima de 360 horas — uma exigência do Ministério da Educação (MEC) para a pós-graduação lato sensu. Além disso, o ingresso pode ser feito por meio de um processo seletivo, com análise de currículo e entrevista, dependendo da instituição de ensino.

As aulas nas duas opções, geralmente, são divididas em módulos e, ao final do curso, o aluno precisa fazer um trabalho de conclusão de curso (TCC). Contudo, as semelhanças param por aí. Isso porque uma diferença entre MBA e pós-graduação ou especialização é a metodologia de ensino.

No primeiro caso, as disciplinas são direcionadas para a área de gestão, como os aspectos financeiros, estratégicos, de liderança, tomada de decisões, entre outros. As aulas trabalham as competências necessárias — conhecimentos e comportamento — para se destacar no ramo dos negócios. Em muitos cursos, os alunos acompanham também estudos de caso de empresas e fazem discussões a respeito de problemas mercadológicos.

Já na especialização a ideia é aprofundar os conhecimentos e habilidades em determinado tema. Por isso, as disciplinas teóricas e práticas vão preparar o profissional para ter um diferencial competitivo no mercado, sendo uma ótima opção para se destacar em diferentes áreas — ao contrário do MBA, que prepara apenas para o mundo empresarial.

Custo

Quando você vai escolher uma pós-graduação, precisa analisar se ela oferece uma boa relação custo-benefício, afinal será um investimento na sua carreira. Por isso, além de avaliar a estrutura e qualidade do curso, é necessário pesquisar o custo das mensalidades.

Lembra que dissemos acima que o MBA é direcionado para quem atua no mundo dos negócios, como executivos e gestores? Pois bem, em muitas instituições de ensino as mensalidades dessa formação são mais altas em razão desse público-alvo.

Já as especializações costumam ser mais acessíveis, direcionadas para quem está construindo a carreira. Dessa forma, você aprimora seu currículo sem precisar arcar com custos que fujam muito do seu orçamento.

Aliás, esse é um bom motivo para levar em conta: muitas pessoas querem exibir um MBA no currículo devido à fama desse curso, sendo que não têm o perfil para esse tipo de pós. Resultado: precisam pagar um preço mais alto e não conseguem tirar proveito no mercado por ter esse certificado.

Valor no mercado

Você já sabe que ter uma qualificação vai abrir as portas no mercado de trabalho, não é mesmo? Nesse ponto, os dois cursos vão dar uma forcinha para você. A diferença entre MBA e pós-graduação (especialização) é que a vantagem do primeiro será somente para as pessoas que fazem carreira no meio empresarial. Desse modo, se essa não é sua área, de nada adianta ter esse tipo de certificado no currículo.

Por outro lado, quando se trata da especialização, profissionais de qualquer área conseguem se destacar com esse certificado. Os recrutadores vão valorizar essa qualificação, o que, consequentemente, abrirá mais oportunidades profissionais para você.

Agora que você já conhece a diferença entre MBA e pós-graduação, deu para perceber as vantagens de cursar a especialização para ampliar suas perspectivas profissionais. Avalie as áreas de seu interesse e torne-se um especialista para que você possa aprofundar e atualizar seus conhecimentos e competências.

Gostou das nossas dicas para fazer sua carreira decolar com a especialização? Quer ficar por dentro de outros posts como este? Então curta a nossa página no Facebook!

Mais do nosso blog

Posts relacionados

Artigo

Núcleo de Práticas Jurídicas: qual a importância para o futuro advogado?

Descubra por que o Núcleo de Práticas Jurídicas é indispensável para a formação do advogado!Sem dúvidas, a preparação do aluno de Direito depende de experiências teóricas e práticas que permitam entender a aplicabilidade do conhecimento acadêmico. Nesse sentido, o Núcleo de Práticas Jurídicas é fundamental nas instituições de ensino, uma vez que permite ao estudante ter uma experiência profissional prévia à formação. Mas, afinal, que atividades o núcleo desenvolve para ser considerado importante? Pensando em esclarecer essa e outras dúvidas, elencamos para você alguns tópicos explicativos sobre o tema. Não deixe de conferir! O que é um Núcleo de Práticas Jurídicas? Núcleo de Práticas Jurídicas ou NPJ, como também costuma ser conhecido, é uma organização interna das instituições que se dedicam ao ensino jurídico. Seu principal objetivo é permitir que o aluno consiga compreender o trabalho normalmente atribuído a um advogado. Para ficar mais claro, essa organização poderia ser equiparada a um estágio no qual, necessariamente, os que vão estudar Direito precisam passar antes de se formar. Afinal, as atividades desenvolvidas nele são extremamente importantes na preparação para o mercado de trabalho e na aplicação de conceitos teóricos no dia a dia da profissão. Quais são as atividades desenvolvidas? Agora que você já sabe o que é e quais os objetivos do Núcleo de Práticas Jurídicas, vale conferir as atividades que poderão ser desenvolvidas em conjunto com professores nessa organização vinculada à faculdade. Primeiramente, é importante esclarecer que o núcleo atua tanto em casos hipotéticos e fictícios, como júri simulado, quanto em casos reais. Entre as atividades que podem ser realizadas estão o desenvolvimento de peças processuais, a realização de arbitragens e conciliação e a atuação em audiências e sessões. É necessário destacar que todas as ações são supervisionadas por profissionais para uma melhor experiência formativa sem qualquer prejuízo do cliente, a exemplo dos processos reais. Qual a sua importância formativa? Como visto, o Núcleo de Práticas Jurídicas é, em geral, o primeiro contato que o estudante tem com a prática da advocacia. Afinal, mesmo aqueles que fazem estágio em escritórios ou empresas fora da faculdade, costumam atuar em atividades menos complexas e mais periféricas. Além disso, fora dos muros da instituição o aluno não conta com o suporte dos professores. Desse modo, trata-se de uma grande oportunidade para dar os primeiros passos rumo ao futuro profissional, com a segurança da orientação do corpo docente para os pontos de melhoria. Outra relevância do núcleo para o futuro advogado é a possibilidade de identificação profissional. Por meio de atividades fictícias e reais, é possível ter um direcionamento e descobrir quais áreas do Direito mais despertam interesse. Sem dúvidas, o Núcleo de Práticas Jurídicas é de grande importância para a formação do acadêmico de Direito. Além de fazê-lo se destacar no mercado de trabalho, as atividades nele desenvolvidas também despertam a responsabilidade social, uma vez que contribuem para a defesa dos direitos da comunidade envolvida. Nesse sentido, é fundamental optar sempre por uma faculdade que mantenha essa estrutura pedagógica. E aí? Gostou do conteúdo? Então não deixe de assinar a newsletter e ficar por dentro de mais artigos como este!

Publicado em
10/6/21
por
Faculdade Arnaldo
Artigo

Você sabe o que é uma empresa júnior? Entenda!

Saiba quais são os objetivos da empresa júnior e qual sua importância para o aprendizado. Leia no post!

Publicado em
8/6/21
por
Faculdade Arnaldo
Artigo

Bacharel para licenciados: as possibilidades de uma segunda graduação

Saiba quais são as maiores vantagens em cursar uma nova graduação. Confira no post!

Publicado em
3/6/21
por
Faculdade Arnaldo
Veja todos os posts
INSCREVA-SE PARA RECEBER NOSSAS NOTÍCIAS

Receba as novidades em seu e-mail

Fique por dentro dos  eventos, notícias e conteúdos da Faculdade Arnaldo.

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.