Alunos
Candidatos
Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form
Sistema AcadêmicoInscreva-se
CARREGANDO...
Artigo

7 dicas para exercer bem o cargo de liderança

Artigo

7 dicas para exercer bem o cargo de liderança

Gerenciar processos, equipes, definir estratégias e participar da tomada de decisão: o cargo de liderança exige muita responsabilidade, além de competências técnicas e pessoais.

A verdade é que muitos profissionais — de diferentes áreas — sonham em alcançar essa posição, mas não sabem se têm o perfil de líder, qual caminho seguir ou qual postura é preciso adotar no ambiente corporativo para ser reconhecido e subir esse degrau na vida profissional.

Para ajudar você a conquistar esse objetivo, preparamos este post. Continue a leitura e fique por dentro de 7 dicas para você se ter sucesso na carreira, tornando-se um bom líder.

1. Aposte no autoconhecimento

A pergunta é simples, mas a resposta pode ser complexa: você se conhece? Aqui é preciso pensar nos seus pontos fortes e fracos, nas suas principais conquistas e no que você deseja para o futuro da sua carreira.

O exercício de autoconhecimento vai ajudar você a tomar decisões em relação à sua vida profissional. Desse modo, será possível traçar metas e fazer escolhas para conquistar o tão sonhado cargo de liderança.

Essa reflexão é importante também para você ter mais segurança e confiança — aspectos que vão ajudar você a sair da zona de conforto, ou seja, a aceitar desafios para mostrar o seu potencial, ter reconhecimento e ser promovido.

2. Mostre transparência nas suas ações

É essencial ser transparente nas suas ações, o que significa agir com honestidade. Assim, um líder é aquele que tem o compromisso de sempre avisar sua equipe sobre alguma decisão importante ou mudança que será feita na empresa. A ideia é evitar que as informações cheguem por terceiros ao seu time.

Com isso, os laços de confiança ficam mais fortes e você passa a ter colaboradores mais engajados — o que certamente vai melhorar o clima organizacional e os resultados do negócio.

3. Empodere a sua equipe

Para conquistar o cargo de liderança, o profissional deve ter em mente que não trabalha sozinho. Esqueça aquela imagem do chefe, que só dá ordens e não valoriza o trabalho da sua equipe.

Um bom líder conhece seus colaboradores e os potenciais de cada um. Além disso, sabe como é importante reconhecer o esforço das pessoas, buscar formas de reter talentos e de incentivar esses profissionais para que busquem se aperfeiçoar cada vez mais.

Dessa maneira, é necessário, além de acompanhar o desempenho dos colaboradores de perto, mantê-los motivados para que o clima organizacional seja harmonioso e todos trabalhem de acordo com os objetivos da companhia.

4. Desenvolva boas habilidades de comunicação

O líder deve ter boas habilidades de comunicação, o que significa ser capaz de transmitir as mensagens de maneira clara à direção da empresa, à equipe e aos clientes. Além disso, deve saber expor suas ideias e seus pontos de vista, bem como escutar as pessoas.

A liderança exige que o profissional tenha o hábito de dar feedbacks aos colaboradores. Essa ação tem o objetivo de fazer com que a equipe entenda como está seu desempenho e o que a empresa espera de cada um.

Além disso, é preciso manter um canal de comunicação aberto com a equipe para que ela possa expor suas dificuldades, os problemas com outros colegas ou até mesmo trazer novas ideias, dúvidas, reclamações e sugestões. O profissional na posição de liderança sabe como deixar seu time bem à vontade, ou seja, a comunicação pode ocorrer por meio de uma conversa informal ou via e-mail.

5. Preze por um bom relacionamento interpessoal

Para exercer a liderança, o profissional deve ter um bom relacionamento interpessoal. Para isso, ele precisa trabalhar com inteligência emocional, de modo a saber como equilibrar as emoções, tendo um autocontrole até mesmo nas situações mais delicadas — nos momentos de conflitos, por exemplo, tão comuns no ambiente corporativo.

A ideia é que o profissional consiga trabalhar com pessoas que pensem diferente dele. Em outras palavras, é necessário ter empatia para realizar um bom trabalho em equipe e, assim, atingir bons resultados.

6. Tenha proatividade

O cargo de liderança exige proatividade, por isso o profissional deve sempre pensar mirando lá na frente, com o objetivo de identificar boas oportunidades de negócio. Essa característica também envolve ter iniciativa e demonstrar dinamismo nas atividades profissionais, de forma a inspirar a equipe.

Ser proativo também está relacionado a se autodesafiar, então não tenha medo de traçar metas mais ousadas e de testar seus limites. Você será reconhecido pela sua ousadia e será lembrado pelos superiores no momento em que surgir um cargo de liderança e gestão na empresa.

7. Esteja sempre aberto ao conhecimento e invista em uma pós-graduação

Para ser um líder, é necessário se manter atualizado e buscar uma qualificação. Isso acontece porque a função exige muita responsabilidade e conhecimento de mercado. A dica é buscar cursos de pós-graduação como o MBA Executivo em Liderança e Gestão, oferecido pela Faculdade Arnaldo.

Essa é uma formação com duração de 12 meses, que vai valorizar o seu currículo e preparar você para assumir posições de liderança e gestão. A matriz curricular é bastante completa e aborda temas variados, como produtividade em gestão, comunicação interpessoal, liderança de pessoas e equipes, coaching e mentoring, entre outros.

Desse modo, o aluno que conquista esse certificado de pós-graduação ganha um diferencial competitivo no mercado, pois apresenta as competências exigidas para a posição de líder e pode fazer a diferença para que a empresa conquiste bons resultados.

Se você deseja alcançar um cargo de liderança — além de modificar sua postura no ambiente de trabalho —, é fundamental buscar uma capacitação em uma faculdade de boa qualidade, que seja reconhecida no mercado. Inclua um curso como o MBA que apresentamos acima no seu plano de carreira, mas não perca tempo para investir na sua formação, pois a concorrência é alta e as empresas estão cada vez mais exigentes!

Gostou das dicas que trouxemos neste post? Quer mais detalhes sobre o MBA Executivo em Liderança e Gestão? Então entre em contato com a Faculdade Arnaldo e conheça todos os diferenciais desse curso para a sua carreira!

Mais do nosso blog

Posts relacionados

Artigo

Núcleo de Práticas Jurídicas: qual a importância para o futuro advogado?

Descubra por que o Núcleo de Práticas Jurídicas é indispensável para a formação do advogado!Sem dúvidas, a preparação do aluno de Direito depende de experiências teóricas e práticas que permitam entender a aplicabilidade do conhecimento acadêmico. Nesse sentido, o Núcleo de Práticas Jurídicas é fundamental nas instituições de ensino, uma vez que permite ao estudante ter uma experiência profissional prévia à formação. Mas, afinal, que atividades o núcleo desenvolve para ser considerado importante? Pensando em esclarecer essa e outras dúvidas, elencamos para você alguns tópicos explicativos sobre o tema. Não deixe de conferir! O que é um Núcleo de Práticas Jurídicas? Núcleo de Práticas Jurídicas ou NPJ, como também costuma ser conhecido, é uma organização interna das instituições que se dedicam ao ensino jurídico. Seu principal objetivo é permitir que o aluno consiga compreender o trabalho normalmente atribuído a um advogado. Para ficar mais claro, essa organização poderia ser equiparada a um estágio no qual, necessariamente, os que vão estudar Direito precisam passar antes de se formar. Afinal, as atividades desenvolvidas nele são extremamente importantes na preparação para o mercado de trabalho e na aplicação de conceitos teóricos no dia a dia da profissão. Quais são as atividades desenvolvidas? Agora que você já sabe o que é e quais os objetivos do Núcleo de Práticas Jurídicas, vale conferir as atividades que poderão ser desenvolvidas em conjunto com professores nessa organização vinculada à faculdade. Primeiramente, é importante esclarecer que o núcleo atua tanto em casos hipotéticos e fictícios, como júri simulado, quanto em casos reais. Entre as atividades que podem ser realizadas estão o desenvolvimento de peças processuais, a realização de arbitragens e conciliação e a atuação em audiências e sessões. É necessário destacar que todas as ações são supervisionadas por profissionais para uma melhor experiência formativa sem qualquer prejuízo do cliente, a exemplo dos processos reais. Qual a sua importância formativa? Como visto, o Núcleo de Práticas Jurídicas é, em geral, o primeiro contato que o estudante tem com a prática da advocacia. Afinal, mesmo aqueles que fazem estágio em escritórios ou empresas fora da faculdade, costumam atuar em atividades menos complexas e mais periféricas. Além disso, fora dos muros da instituição o aluno não conta com o suporte dos professores. Desse modo, trata-se de uma grande oportunidade para dar os primeiros passos rumo ao futuro profissional, com a segurança da orientação do corpo docente para os pontos de melhoria. Outra relevância do núcleo para o futuro advogado é a possibilidade de identificação profissional. Por meio de atividades fictícias e reais, é possível ter um direcionamento e descobrir quais áreas do Direito mais despertam interesse. Sem dúvidas, o Núcleo de Práticas Jurídicas é de grande importância para a formação do acadêmico de Direito. Além de fazê-lo se destacar no mercado de trabalho, as atividades nele desenvolvidas também despertam a responsabilidade social, uma vez que contribuem para a defesa dos direitos da comunidade envolvida. Nesse sentido, é fundamental optar sempre por uma faculdade que mantenha essa estrutura pedagógica. E aí? Gostou do conteúdo? Então não deixe de assinar a newsletter e ficar por dentro de mais artigos como este!

Publicado em
10/6/21
por
Faculdade Arnaldo
Artigo

Você sabe o que é uma empresa júnior? Entenda!

Saiba quais são os objetivos da empresa júnior e qual sua importância para o aprendizado. Leia no post!

Publicado em
8/6/21
por
Faculdade Arnaldo
Artigo

Bacharel para licenciados: as possibilidades de uma segunda graduação

Saiba quais são as maiores vantagens em cursar uma nova graduação. Confira no post!

Publicado em
3/6/21
por
Faculdade Arnaldo
Veja todos os posts
INSCREVA-SE PARA RECEBER NOSSAS NOTÍCIAS

Receba as novidades em seu e-mail

Fique por dentro dos  eventos, notícias e conteúdos da Faculdade Arnaldo.

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.